22 abril 2006

ATC-Junta: Façam as vossasapostas.

A Guerra entre a ATC e a Junta de Joane continua.
Segundo os jornais deste fim de semana a ATC anda melindrada com a Junta de Freguesia porque o Presidetne da Junta faltou a umas jantaradas. Isto é dificil de perceber. Então o Presidente da junta é que falta e a ATC é que fica com indigestão?
Segundo percebi, a ATC também não gostou que a Junta de Joane tivesse contribuído com "apenas" 250 Euros para uma meta volante de uma prova de atletismo.
Isto mostra bem a ideia que a ATC tem dos dinheiros públicos. São pobres e mal agradecidos. Para o ano, a Junta deve é dar zero, a ver se aprendem.
Entretanto, o presidente da Junta anunciou que está a preparar um "dossier" sobre a ATC.
Tenham medo. Tenham muido medo...

16 comentários:

Anónimo disse...

Acho que vamos descobrir umas tantas verdades, quer do ATC quer da Junta...

berlaitadas disse...

E agora, tal como os miúdos que são donos da bola e depois de fazerem birra vão brincar para outro lado, foram fazer a Queima do Judas para Brito.
Haja quem os compreenda...

Anónimo disse...

Pena é não ficarem também por lá...Principalmente os directores.

Anónimo disse...

Já ouvi as declarações da Junta sobre o dossier que preparou. E não é que numa reunião de Dezembro ficou decidido não autorizar espectáculos com cadeiras e palcos no Parque da Ribeira ? Ouvi bem... DEZEMBRO !!! E então estes senhores da ATC querem passar por cima disto ???
E outra. Em duas semanas não tinham tempo nem meios para mudar o espectáculo para outro local. E pasme-se, numa semana conseguiram agendá-lo para Brito.
Grande lata.

Anónimo disse...

Será que em Brito não querem ficar lá com a ATC?
Sempre era um peso que saía do orçamento da Camara Municipal.

qfp disse...

Vistas bem as coisas, a ATC necessita sempre de ter uma instituição ou uma pessoa como inimigo de momento para galvanizar as "tropas".
Nesta polémica sobre o Parque da Ribeira basta conhecer a lei que rege a utilização dos espaços públicos e a realização de eventos nos mesmos para perceber quem tem razão. E depois, levar a Queima do Judas para Brito quando o que nos foi sempre dito era que a mesma só podia ser realizada no Parque da Ribeira não lembra a ninguém.
Também quanto às placas sinalécticas - outra das queixas da ATC -, a Casa de Telhado é ou não conhecida por Joaninha? E se não querem que assim seja, porque é que ainda há papel timbrado da ATC a circular com esse nome?
A Junta está a gerir muito mal a situação. O que sabe já devia ter sido dito. Agora, dizer que anda a preparar um dossier e permitir que a ATC ande por aí a debitar na Imprensa e em comunicados meios anónimos distribuídos à socapa da noite, é colocar-se a jeito.

Anónimo disse...

De todo este burburinho, ressalta, entre outras coisas, uma conclusão: a permanência no poder é maléfica.

Vamos a eles disse...

Haja quem compreenda a ATC.
Com estas tretas todas, lá se vai metendo mais umas facturas de almoços e jantares e o resto é tudo uma treta.
O parque da ribeira era o lugar ideal, não se podia transferir para outro local, etc, tudo treta. Os Joanenses não dormem caros amigos da ATC, vocês é que adormecem e quando acordam é tarde.
Quem esteve na direcção e está, sabe bem como aquela casa funciona, apenas de malabarismos. Os associados já se aperceberam que é tudo um jogo de interesses, sós os directores é que não.
Custódio Oliveira, já é mais que tempo de deixar o grande tacho que tem na ATC, são anos a mais a comer dele, ou será que só o vai deixar quando estiver bem rapado.

Anónimo disse...

A ATC já não é o que era. Fazem muita falta lá os pessoas com valor como:
José Sá, Quintino Pinto, Lino Ribeiro, Custódio Silva, Joaquim Sampaio, Fernanda Mendes, Mota, Rodrigo e Miguel Marinho
Estes sim. Enquanto estas pessoas não voltarem para a ATC, esta nunca andará para a frente, mas sim para traz.
As ratazanas vão comer tudo.

Anónimo disse...

Já repararam que este tipo de discussões (mordomias, ordenados...) só surge quando as instituições têm poder?

Anónimo disse...

Em vez de lançarem comunicados, que tal lerem o que aqui se escreve, para perceberem a opinião de alguns dos joanenses???
E mete NOJO, repito NOJO, o argumento de que foi defraudado "o intusiasmo da centena de jovens e crianças"...se o senhor Custódio se preocupasse com estas crianças e jovens, não usava a Queima do Judas para as suas guerras pessoais com a Junta e realizava-a à mesma, mas noutro sítio!!!Desta forma, as crianças iriam realizar aquilo para que estavam a preparar-se!!!não penso contudo, que por causa disto, vá ser preciso recorrer-se a psicólogos ou psiquiatras para acompanhamento dos jovens...perdoe-me, mas o Senhor Custódio é que precisa de uma sessão de psicanálise!!!essa mania de mandar em tudo não é de todo normal!!!Aposto até, que a análise da sua personalidade daria uma excelente tese de doutoramento!!
E apesar de não ser nada comigo (cada instituição é que "trata" dos seus funcionários) que tal porem esse tal "Romeu"a picar o ponto???

Espero próximos comunicados e afins...

Anónimo disse...

Não convem sabe mexer com ele. Sabe muito sobre as manobras que lá se fazem, e pode acontecer o mesmo que o António fez.
Mas uma auditoria não era má ideia.

Primavera dos Cemiterios disse...

Joane é espelho de uma vilazinha com pequenos baronetes sem classe e educação a gladiarem-se na praça pública por míseras côdeas do parco poder que ainda lhes sobra. De ambos os lados, temos vaidade, ligeireza e corrupção. Pode ser que neste divórcio venham à tona os factos ilícitos que muitos conhecem, mas que ninguém assume.

eu disse...

Caro "primavera dos cemitérios", de onde vem tanta modéstia? Credo... Gostava de conhecer pessoa tao culta, com classe, honesto e correcto como o Sr! Sim senhor...

Anónimo disse...

Eu, tenha cuidado, Primavera dos Cemiterios é uma menina.

eu disse...

Pois, acabei de tomar conhecimento desse facto... Não faz mal é só actualizar os meus comentarios para o género feminino, porque de resto continuo com a mesma opiniao! Um pouco surpreendido mas com a mesma opinião...