26 maio 2006

Importa-se de dizer ao Sr. Presidente da Câmara?

O Presidente do PSD de Famalicão esteve em Joane para dar posse à nova Presidente do núcleo de Joane.
Segundo conta a versão online do entre vilas, o dr. Paulo Cunha terá dito:

" [Joane] não é uma freguesia que tem uma dimensão de exercício de poder que seja consonante ou coadunável com aquilo que as pessoas de Joane merecem.
Mereciam e precisam de muito mais."

Concordamos! Já agora, sr. dr.,importa-se de dizer o mesmo ao sr. Presidente da Câmara?

18 comentários:

Anónimo disse...

O Sr. Armindo Costa deveria ter passado pela Ruas das Fontes e pela estrada de S. Bento Airão, mas a pé!
Poderia ter visitado o alargamento do Cemitério de Joane e aproveitava para lançar a primeira pedra do novo posto da GNR de Joane, e porque não a primeira pedra para a nova sede da Junta de freguesia. Sr. presidente Armindo Costa já agora gostou do nosso largo 3 de Julho?
Como o Sr. Armindo Costa não pode perder tempo em Joane, desperdiçou uma oportunidade na sua visita de relembrar Joane.
Realmente os Joanense merecem muito mais!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

Anónimo disse...

Subscrevo e digo mais. E a capela funerária? Ainda este fim de semane um Joanense teve de ser velado na capela de Airão.
Ate quando Srs responsaveis?

Anónimo disse...

Que merda de blog é o do PSD de Joane, que só publicam aquilo que lhes agrada, se a opinião não for favorável é censurado. O que vale é que ainda não tiveram uma única participação que fosse do agrado deles.
www.psdjoane.blogspot.com

Anónimo disse...

Eu gostei do blog. Já postei uma mensagem em que me interrogava sobre a maravilha que é a política por conseguir juntar o Miguel Saldanha com a Fernanda Faria. Estes, em tempos idos, disseram cobras e lagartos um do outro, inclusivé com ameaças de queixas à Comissão de Jurisdição distrital da JSD. Tudo isto quando o marido da Fernanda concorreu contra o Miguel Azevedo. No meio desta confusão andou ainda o Machado. Muito visado pela lista então vencedora mas que foi entretanto perdoado. Abençoada política que junta pessoas desavindas.

Anónimo disse...

Pessoas desabindas....interesses meus senhores, interesses com muita cobardia pelo meio.
Do Miguel Saldanha tenho pena, parece-me ser uma pessoa bem intencionada. Com essa gente não leva muito tempo que vai desencantar.

Anónimo disse...

E depois queixamo-nos que na política não há gente de qualidade.
De cada vez que aparece alguém com qualidade, começa logo a ser acusado de estar ao serviço de interesses.
Assim não vamos lá. Nem Joane nem Portugal.

Anónimo disse...

Como é possível ter feito parte da comissão politica anterior (Fernanda Faria), e depois dizer que o seu principal objectivo agora é credibilizar o partido perante a sociedade cível, então que raio andou lá a fazer durante estes últimos anos? Só se credibiliza algo que está descredibilizado ou não?

Anónimo disse...

Boa malha

Anónimo disse...

É. Mas isso não significa estar lá por "interesses".
Acresce que é possível estar numa equipa, sem concordar integralmente com o rumo seguido e quando se lidera uma nova equipa, dar-lhe um rumo diferente.
Veja-se o caso de Sócrates. Fez parte de um dos piores governos que Portugal já viu: o de Guterres. E agora que está à frente de um governo tem um estilo de governação completamente diferente do de Guterres.
Outra coisa que alguns destes comentários também mostram é a tendência para a "fulanização" das questões.
As pessoas podem ter ou ter tido sérias divergências políticas sem que isso signifique que tenham de se dar mal pessoalmente.
Por isso. é preciso esperar e dar tempo a esta nova comissão política do PSD.
Já agora, pergunto a alguns destes comentadores se a vida interna do PS Joanense é assim tão transparente como a do PSD. No PSD há eleições, candidatos, campanhas e as coisas são claras. E no PS? Há um núcleo organizado? Há eleições? Como se faz campanha? E no PP? Como é?
Não acham que é tudo mais estranho nesses partidos? Menos claro?

Anónimo disse...

No PS de Joane não há eleições internas porque não há Núcleo nem Secção de Residência.
É uma explicação simples e lógica.

No resto, manda quem pode... e às vezes quem não devia! E é capaz de ser por isso que se vê alguns membros da Junta e da Assembleia a serem mesmo... fraquiiiiiinhos!!!!

Anónimo disse...

Os PS`s de Joane não se conseguem organizar porque não cumprem as cotas.
Além disso têm sérias dificuldades em conviver com actos eleitorais.
Mas se conseguirem cumprir a cota feminina e ultrapassar o segundo obstaculo pelo menos arranjem uma sede para o acto eleitoral.
Não repitam o filme da roulote...

Anónimo disse...

Boa malha!

Anónimo disse...

Vou meter aqui uma farpa. Já aqui falaram e discutiram sobre o Miguel a Fernanda, etc..
Depois alguém disse que a Fernanda ao menos não está por interesses, blá, blá, blá...

Então a empresa que fundou (acho que "abdera") faz o quê ?

Vejam os contratos que tem feito com a nossa Câmara Municipal (balurdios) para organizar eventos...Uma coisa feita à medida.

Desculpem a linguagem mas não encontro melhor expressão....Deixem-se de merdas!

Anónimo disse...

Subscrevo....

Anónimo disse...

Boa malha!

Primavera dos Cemiterios disse...

Lá vem a má língua!! Então para se ter uma empresa tem de ,primeiro, desfiliar-se do Partido que está no Poder? Em Famalicão, para a Câmara - segundo o disparate cobarde deste anónimo - só podem trabalhar empresas de socialistas!

Anónimo disse...

cobarde é aquele que se considera sábio....

Anónimo disse...

Very pretty design! Keep up the good work. Thanks.
»